série especial – episódio 003 – COVID-19, descolonização e temporalidade

Este é o episódio três do podcast Vozes da Unilab em uma nova série especial que busca alertar e divulgar iniciativas de combate a pandemia do COVID-19. Nosso foco na série é dialogar com os espaços africanos na África e na diáspora.

O Vozes da UNILAB é um podcast desenvolvido na Universidade da Integração da Lusofonia Afro-brasileira, como parte do projeto de pesquisa e extensão botAfala.

Neste episódio, vamos conversar com o filósofo Severino Ngoenha. Nascido em 1962 em Maputo, Ngoenha é reconhecido como um dos mais importantes nomes da filosofia africana contemporânea, sendo uma liderança intelectual incontestável na construção da filosofia africana nos países de língua oficial portuguesa. Autor de diversos livros, estudado em artigos  e teses, Ngoenha além do reconhecimento como pesquisador e professor, tem uma importante atuação no desenvolvimento institucional de centros de pesquisa e qualificação. É reitor da Universidade de Moçambique.

Conversamos com Severino Ngoenha sobre os desafios que a pandemia de COVID-19 trazem para a filosofia africana; sobre a necessidade de descolonização radical dos modos de pensar, agir e conhecer; e da temporalidade de urgência que pede autorreflexão e transformação nas formas de vida e relação com a natureza. Esta entrevista foi realizada no dia 13 de Maio em diálogo com o professor Marcos Carvalho Lopes.

Ouça sua voz!

Mais links:

COROA DE ESPINHOS (CORONA VIRUS) — Morrer de COVID – Severino Ngoenha: https://medium.com/@severino.ngoenha1962/coroa-de-espinhos-corona-virus-morrer-de-covid-7298fda57705

Site do professor Severino Ngoenha

Pensar em Comun – podcast de Severino Ngoenha no spotify

One thought on “série especial – episódio 003 – COVID-19, descolonização e temporalidade”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.