série especial – episódio 001 – COVID-19 e Estado de Emergência em África

Este é o episódio um do podcast Vozes da Unilab em uma nova série especial que busca alertar e divulgar iniciativas de combate a pandemia do COVID-19. Nosso foco na série é dialogar com os espaços africanos na África e na diáspora.

O Vozes da UNILAB é um podcast desenvolvido na Universidade da Integração da Lusofonia Afro-brasileira, como parte do projeto de pesquisa e extensão botAfala.

Neste episódio, vamos conversar com o sociólogo Elísio Macamo a reação à COVID-19 e o significado do Estado de Emergência para os países africanos. Macamo é moçambicano, professor na Universidade da Basiléia na Suiça. Esta entrevista foi realizada no dia 7 de Abril em diálogo com o professor Marcos Carvalho Lopes. Você pode encontrar mais textos e referências, assim como material sobre o tema em debate no nosso site. No site disponibilizaremos a tradução de um texto inédito de Elísio Macamo em que o autor desenvolve e articula algumas das interrogações presentes na entrevista.  Ouça sua voz!

Para que o projeto ganhe força e continue precisamos de sua colaboração: divulgue, compartilhe e comente com pessoas da sua comunidade e nas redes sociais.  Você pode encontra mais informações sobre este episódio, links e referências no site vozesdaunilab.unilab.edu.br. Estamos também no Facebook, na página facebook.com/vozesdaunilab/

Se você quiser reproduzir os episódios do podcast vozes da unilab em sua rádio web, rádio comunitária é só entrar em contato com a gente. O email é vozesuni@gmail.com.

Para dar uma força para o projeto, avaliem e deixe seu recado na página do podcast no itunes. Avaliações positivas nos garantes mais visibilidade e ajudam outras pessoas a encontrar nosso trabalho. Deixe seu comentário, compartilhe com amigos e ajude a melhorar nosso projeto. Você pode encontrar mais textos e referências, assim como material sobre o tema em debate no nosso site. No site disponibilizaremos a tradução de um texto inédito de Elísio Macamo em que o autor desenvolve e articula algumas das interrogações presentes na entrevista.  Ouça sua voz!

2 thoughts on “série especial – episódio 001 – COVID-19 e Estado de Emergência em África”

  1. Os Estados pós-coloniais africanos ainda estão de trauma da violência secular perpretado pela agencia colonial. Estes estados usam a violência como forma de controlar o Poder. No caso da Guiné-Bissau, atual autoproclamado presidente aproveita da pandemia para criar caos, usando de militares e polícias da ordem pública para bater nas populações. Há várias denúncias a respeito da violação dos direitos dos cidadãos. Em relação as fronteiras A guiné é mais vulnerável, pois suas fronteiras norte e sul são usados pelos traficantes para suas fugas e isso, piora neste momento da pandemia devido a falta de controle. Em relação a Moçambique, ficou complicado devido milhões de moçambicanos que trabalham em África de sul e estes na tentativa de regressarem a suas casas, acabam caindo nesta situação de estado de emergencia descretado pelo presidente. Podo-se ver isso em relação ao caso de Angola numa altura em que o governo cria políticas públicas que no nosso intender traria nossos rendimentos as famílias carrenciadas. Então, diante dessa pandemia mundial, as populações, (as mães que vendem nas ruas para sustentar a família) ficam vítima desse estado de emergencia e sem ajuda suficiente do governo. África como continente precisa rever sua posição em relação ao tratamento das populações. ..
    Obrigado professor Elísio. É sempre bom te ouvir…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.